HAPPY NEW YEAR

Último dia do ano, meu Deus, como passou rápido, acho que cada vez que vamos ficando mais velhos as coisas passam mais rápido, e é por isso que temos que valorizar e aproveitar cada momento especial de nossas vidas, fazer o que quer, promover a união a paz, e amar muito. Espero que 2011 venha entupido de felicidade, paz, fé, e muito amor , e que todos os nossos sonhos se realizem, então é isso ai amores, HAPPY NEW YEAR.



MERRY XMAS

Pessoitas, como eu não estar por aqui amanhã, hoje mesmo estou passando aqui para desejar a vocês um MERRY CHRISTMAS, que tudo dê certo para vocês, que comam muito, se divirtam, que seus sonhos se realizem e ganhem muitos presentes, afinal, adultos também ganham presentes, é só escrever uma cartinha para o querido Pança Noel, ooops... para o Papai Noel e ser uma boa pessoa durante o ano hahahah e tenham um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo. Amo vocês ♥












Surfista sem cabeça

Heeey, calma! Eu não abandonei vocês, só estou um pouco ocupada nesses dias, aí o tempo fica mais curto e não me sobra quase nada para fazer um post, mas hoje eu trouxe para vocês um vídeo super legal e um pouco sobre a banda de psychobilly: CABARET ZUMBI.


Porque vocês escolheram o nome Cabaret Zumbi?
- A gente escolheu esse nome porque queriamos algo que fizesse menção ao country e western e ao horror ao mesmo tempo, por isso Cabaret Zumbi, com 'T' mesmo porque fica xique, dar o ar de cabaret western, e não um cabaré estilo puteiro hahaha.

Como trabalham as letras?
- As letras de psychobilly em resumo é diversão, mulheres, cervejas, hotrods e terror, muito terror. E com a gente é seguindo toda essa mistura. Nós sempre buscamos usar histórias reais, que tenham acontecido com a gente (ou com alguém conhecido, enfim) e transformar essa história para uma temática mais horror, deixar uma história a nível 'psycho'.

Quais as influências da banda?
- Country, Rockabilly, punk horror, punk rock, metal, hot-rods, cerveja, histórias de terror. E as bandas são: Gutter Demons, Astro Zombies, Johnny Cash, Stray Cats, Sick Sick Sinners, Mad Sin, Frantic Flinstones, Guana Batz, The Quakes, entre outras influências individuais dos integrantes.

Quais os atuais integrantes?
- Fred (my love ): Guitarra
- Saulo (Sancho): Rabecão e Vocal
- Filipe (Filipsycho): Bateria 

Algumas curiosidades informações adicionais:
- A banda iniciou-se apenas com o Saulo, Filipe e Enox, tocavam mais num esquema Gramofocas, era mais punkabilly do que psychobilly. Com o tempo eles foram aprimorando mais o som.
- A banda tem um total de 4 trocas de integrantes ao longo de sua formação, o 5º é o atual guitarrista (Fred).
- Saulo diz que a maioria das letras foram feitas quando estavam bebendo 'umas' hahaha

Contato:
9683-6643 / 8491-2032 ou acessem: TWITTER, ORKUT, MYSPACE.
E-mail: cabaretzumbi@gmail.com

E aqui vai o clipe 'Surfista sem cabeça' recém saido do forno para vocês.
Enjoy :)


A splendid painter

Conheci meses atrás um cara que trabalha com Freestyle Arte, que é o tipo de pintura que se utiliza como principal técnica a Areografia, possibilitando trabalhos em qualquer tipo de material: metal, tecido, papel, parede, plástico, e muitos outros. O que mais adorei no trabalho dele, são as pinturas de pin-ups, os detalhes, os pontos certos do brilho para deixar cada vez mais a imagem mais realista, e não é só isso, ele tem outros pinturas de animais e carros, tudo é extremamente muito bem feito e maravilhoso de se ver, e esse é o ilustríssimo: Neimar L. Duarte.
Vamos seguir com as imagens de seu trabalho e uma pequena entrevista com Neimar, nos contando como tudo começou e explicando um pouco mais sobre seu trabalho.


- Olá seguidoras e seguidores do World Pin-up, sou o Neimar L. Duarte, venho a convite de minha amiga Laís falar um pouco sobre meu trabalho com desenho e aerografia (airbrush), e como fui descobrir a cultura Pin-up.
Desenho desde criança, não existe uma data de início, mas fui cada vez levando mais a sério, pesquisando e estudando desenho junto com meu amigo Guilherme, aprendemos sozinhos. Por culpa do gosto que fui adquirindo por carros e motos, fui descobrindo a aerografia que é muito usada quando nos referimos a Hot Rods Muscle cars e Chopper. Fiquei louco com aquela técnica de pintura e comecei a estudá-la.
Em 2005 pude comprar o meu equipamento de aerografia e assim começar a praticar. No inicio foi bem assustador já que não tinha acesso a muitas informações sobre o assunto.
Quem estiver iniciando no desenho ou pintura, não deve se intimidar pelas dificuldades seja persistente e estude bastante. 






Perfeito (Painel com ilusão de profundidade)


As pinturas realistas são as mais fascinantes, não acham?

Bom... E como fui parar nessa historia de Pin-ups?
Eu cheguei até a cultura Pin-up por dois caminhos, o desenho e os carros customizados. Afinal tudo faz parte da Kustom Kulture né.
Sempre encontrei as Pin-ups pesquisando sobre desenho e pintura. O mesmo acontecia quando estava pesquisando sobre Hot Rods... Quem seriam essas adoráveis garotas sempre ao lado dos Carros clássicos e Hot Rods? Não demorou muito, comecei a pesquisar sobre a historia das Pin-ups e os artistas que as desenhavam, também conheci as Nose Art’s (basicamente Pin-ups pintadas pelos soldados nas fuselagens dos aviões de guerra). Virei entusiasta dessa cultura e agora sempre que posso incluo na minha arte. Ainda não tenho muitos trabalhos neste estilo, mais pretendo fazer muito mais. Cada dia mais, eu aprendo algo sobre o assunto, já tenho muitos contatos no exterior, artistas, fotógrafos e as próprias Pin-ups contemporâneas. É claro sem me esquecer dos amigos aqui do nosso país que apesar de estar um pouco atrás, tem excelentes representantes. Todos me apóiam muito.
O meu principal estilo de desenho e pintura é o Fotorrealismo. Espero que gostem do meu trabalho. Gostaria de saber a opinião de todos, e  tenho que agradecer a minha amiga Laís por todo apoio, incentivo e grande trabalho que faz divulgando toda a cultura. Obrigado também pelo convite, é um prazer participar de seu blog.
Grande abraço

Neimar, eu é que tenho que agradecer a você, seu trabalho é fascinante, e você sabe que eu não paro de falar isso né? hehehe mas é a verdade. Parabéns pelo belo trabalho, você é um grande artista.
Agora vamos ver as fotos das pin-ups que ele já desenhou, lindas, são elas: Lisa Love (A primeira foto acima), Ms. Ruby Martini Miss Miriam Darling.




Essa é a foto verdadeira, usada como base para a pintura

Aqui vão os links para vocês conhecerem mais sobre a arte e sobre o Neimar: Site, Blog, Facebook, Orkut, MySpace e Youtube.

The Little Loca

Quem gosta de ver vídeo no youtube que nem eu, seja sobre make-ups, hairstyles, poses pin-ups, como o: How to be a pin-up model, ou qualquer outra coisa, deve saber que sempre tem alguém que ficou famoso por postar vídeos no chamado: Vlog, e eu como adoro ver vídeos, de tanto ficar 'futricando', acabei achando um canal - na verdade, três - de uma 'menina' de 25 anos, super divertida, lindíssima e que ainda por cima tem o estilo PIN-UP, essa é a: Stevie Ryan, ou como é mais conhecida: Little Loca!
Stevie tem três canais no YouTube, o primeiro e mais conhecido se chama: Little loca, onde ela interpreta uma menina de 18 anos chamada Cynthia, na fantástica mistura de uma linda e rebelde Rockabilly girl com uma rapper, usa bandanas no cabelo, topete, maquiagem um pouco escura, e brincos de argola, ela fala um pouco sobre a família, religião e cita que seus pais são rigorosos, o segundo é o The Real Paris, ela fala um pouco de várias coisas, encena outras histórias, o terceiro e último é o seu próprio nome: Stevie Ryan,  o assunto principal é de beleza, onde ensina a passar maquiagem, a fazer penteados, e até faz algumas dançinhas a lá Bettie Page. So cute *-* Depois que a conheci, coloco ela na minha lista entre as mais belas que já vi: Bettie Page - the best -, Dita von Teese, Angelina Jolie, Ashley Greene e Stevie - of course - entre algumas outras.
Vale citar que pela fama, ela conseguiu fazer uma participação nos ensaios fotográficos de Laura Byrnes, a rainha das fotografias modern pin-up, e a fundadora da marca: Pin-up Girl Clothing, onde só tem roupa glamour, um sonho de consumo para nós, meras pin-ups mortais.
It's time to photos and videos of LITTLE LOCA. Let's go.

















E alguns vídeos que valem a pena assistir, 'pode crê' hahah




Enjoy ♥ 

E sai o resultado do sorteio, finalmente!

Finalmente mesmo, depois de um 'tempinho' de espera para saber qual irá ser a sorteada, ou o sorteado - Sim, um homem, o único a participar do sorteio, Guilherme Bruno, concorrendo ao kit para a namorada dele. Amigão! -. Mas tenho meus propósitos, de querer sortear perto do dia oficial do aniversário do BLOG WP, que foi ontem dia 8 de novembro, 1 aninho  Ah babies, se não fossem por vocês, aqui de fato não seria nada, e foi por vocês, os que me motivaram e acreditavam nas minhas conquistas e sucessos que continuei em frente, adoro cada um de vocês, e é por isso que quero continuar a fazer sorteios ao longo do tempo que teremos muito ainda por aí, para demonstrar meu carinho e a honra por receber elogios de todos - e obrigada também aos anônimos, que me fazem evoluir com cada crítica, pois assim, cada vez mais melhorarei minhas formas, e meu objetivo de querer conquistar algo de sucesso só vai aumentando. Viu como os anônimos são legais? Nos fazem crescer. -, mas então, a única coisa que tenho pra dizer que resume tudo é: obrigada a todos vocês.

Vamos ao resultado, já deixei vocês esperando ansiosos por tempo demais, e sei que devem estar se corroendo de tanta demora, não é? hahaha
Bem, e a ganhadora foi... KATHLYN MELO. Parabéns babygirl. Entrarei em contato com você logo logo, e a partir do dia em que receber o e-mail, terá 2 dias para me responder, se não, outro sorteio será feito.




Hasta la vista, babies 

Sim, no Brasil existiu pin-ups!

Uma coisa que não podemos discordar, é que a maioria das pessoas que não conhecem tão bem a cultura pin-up, quando ouvem esse termo, logo vem a cabeça que não são ligadas ao Brasil, pois a maioria das representantes da estética são americanas, mas todos estão errados, pois aqui no Brasil teve - e tem - muitas pin-ups, todas cheias de glamour e atitude também, e muitas outras que vinham se mostrando aos poucos pela música, e é disso também que quero falar.
Aposto que todo mundo já foi em alguma festa que remete aos anos 50/60, e claro, sempre passa as musiquinhas daquela época, tanto as músicas em inglês, como: "I feeeel good, I knew that I would now...", de James Brown, e as músicas aqui mesmo do Brasil, e essas daqui, tenho certeza também, de que a principal é aquela: "Hey, hey, é o fim, oh, cupido! Prá longe de mim.", de Celly Campello, que a regravou, e juro pra vocês, que antes desse post, nunca havia pesquisado sobre essa cantora, por mais que eu adorasse - e adoro - quando passa essa música. Além dessa, temos também as famosas: "Banho de Lua" e "Biquini de bolinha amarelinha". Todas com o ritmo bem dançante, o que é essencial numa festa dessas :)


Não vão confundir também pensando que as "pin-ups" do Brasil eram iguais as pin-ups dos EUA, não. Aqui no Brasil, elas eram um pouco diferentes, no quesito maquiagem e roupa, os olhos eram sempre marcados com lápis de olho preto e um pequeno puxão no estilo gatinho, rímel, batom vermelho, rosa escuro ou mesmo um brilho labial incolor, e cabelos com ondas ou cachos, mas bem volumosos. As roupas eram composta por botões, o que era um charme também naquela época, ombreiras e estampas de xadrez - segundo informações de minha vovó  -, mas uma coisa que nunca saiu do "padrão vintage", era o corpo, as belíssimas pernas e a cintura fina, marcada ou não. Temos as "chacretes", aquelas que faziam parte do show de TV junto ao Chacrinha, com roupas que deixavam bem à mostra as pernas bem torneadas, elas foram as mais famosas citadas como pin-ups do Brasil. Entre todas essas, citamos uma que mesmo sua nacionalidade não sendo brasileira, ela carrega no fardo a imagem inteira do nosso Brasil, esbanjando a super sensualidade, a roupa com cores vivas e na cabeça, uma bela 'salada de frutas', literalmente, a lindíssima: Carmen Miranda. E bem, por aí vai as inúmeras pin-ups do nosso tão amado Brasil, que mesmo não sendo tão reconhecidas quanto queríamos, não dão nada a perder, pois o que conta no final de tudo, é que somos tão belas quanto todas as outras ao redor do mundo. Não 'pegamos' o estilo de outras pin-ups, mas sim, nós tínhamos o nosso próprio estilo. Um encanto. Abaixo deixo umas fotos, das Chacretes, de outras mulheres da época e outras do desfile que escolheria uma das candidatas como a Miss Brasil 1950, e reparem só na beleza delas, eram lindas!