Drive-In Theater

Aposto que todos vocês gostam de cinema - ou pelo menos a maioria -. Nada melhor do que ir com o seu namorado/marido/paquera assistir um filme bem legal juntinhos, ou até mesmo ir com os amigos pra se divertirem, mas hoje o cinema que eu vou falar é muito diferente dos dias de hoje, que é um local fechado, escuro, nada de barulho e bagunça e em hipótese alguma, as pessoas podem fumar ou beber lá dentro, não é? Bem, os de antigamente você podia fazer tudo isso, não tinha todas essas regras, somente uma: Não deixar o farol do carro ligado... Estou falando do Drive-in Theater, ou Cinema ao ar livre (Cinema Para-brisa), como muitos já devem ter ouvido falar, que é onde tem uma tela enorme, como qualquer outro cinema, mas você assiste o filme de dentro do seu carro!
O Drive-in Theater foi criado pelo Richard Hollingshead, que no início dos anos 30 trabalhava como gerente de vendas na empresa de auto-peças do pai, e depois de ouvir queixas da sua mãe sobre o quão desconfortável era os assentos do cinema, já que ela era mais cheinha, decidiu começar um o projeto na própria casa, em Camden, New Jersey. No começo ele usou um lençol amarrado entre duas árvores, para ser a tela, um projetor de cinema da Kodak de 1928, uma caixa de som atrás da "tela", e claro, o carro dele, de apoio para o projetor. Depois disso ele organizou todo o espaço de modo que os carros que estivessem na frente não atrapalhariam os demais que viessem atrás. E então pouco tempo depois foi inaugurado o primeiro Drive-in em 6 de junho de 1933, e o primeiro filme apresentado foi "Wives Beware", que é um comédia britânica.







Depois do sucesso, muitos outros cinemas desse tipo foram abertos e pelo grande número de cinemas Drive-in, cada vez mais pessoas iam, e consequentemente, cada vez mais os estacionamentos enchiam, e houve um problema com o som, que antes era instalado em uma torre para que todos ouvissem, mas os que ficavam lá atrás recebiam o som atrasado e não acompanhavam o filme, problema que mais tarde foi resolvido facilmente, os cinemas tinham uma rádio FM, e era só sintonizar no próprio carro e ouvir todo o filme, e quem não tinha rádio, era só solicitar para os donos do cinema caixinhas de som emprestadas, que recebiam o som normalmente.
O Drive-in ficou muito mais reconhecido e valorizado nos anos 50 até o início dos anos 60, principalmente pelos filmes das nossas musas Hollywoodianas, como: Marilyn Monroe, Brigitte BardotGrace Kelly, Audrey Hepburn, entre outras. Hoje em dia não existem muitos aqui no Brasil, acho que no máximo 2 ou 3. Aqui em Brasília tem um, o Cine Drive-in, infelizmente nunca fui lá - mas ainda vou -, e tem toda a programação dos filmes, tem a lanchonete, e pra você não precisar de sair do carro e ir comprar o lanche e acabar perdendo o filme, é só você acender o farolete e esperar o garçom vir até você e anotar o seu pedido, bem ao estilo de antigamente mesmo. 








E pra finalizar, um clip do The Baseballs inspirado no Drive-in Theater e muitos biquinis e maiôs retrôs, que vamos ver em breve aqui!





7 comentários:

  1. Eu acho muito legaal! Aqui em Brasília tem o cine drive -in não é tão frequentado como os cinemas convencionais, mas tem seu público. Eu acho legal, e um programa diferente,


    Xxx
    Modernne.com.br

    ResponderExcluir
  2. Super legal, também nunca fui em um. Acho que a primeira vez que vi um Drive-In Theater foi no filme Grease :)

    beijos!

    http://glamour-vintage.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Porque essa época acabou?
    Não é justo... queria muito chegar com o meu namorado e sua caranga para um filminho... ai ai!

    Seguindo o blog!

    Bjos
    Amanda Fernandes
    www.redapplepinups.com

    ResponderExcluir
  4. Um dos melhores posts q vi aqui. Obrigada laís por proporcionar-mos esse conhecimento que vem de vocẽ, e compartilhar coisas tão legais. Adoro o seu blog.

    Juliane

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que post legal! Adorei, tanto o post quanto as fotos!
    Seguindo aqui x)
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. o clipe de Foo Fighters - Breakout é ambietado num drive in.

    ResponderExcluir